Quarta-feira, 3 de Julho de 2013

Está tudo louco!

 

 

 

Isto hoje vai ser sobre os risos e os sorrisos. Sobre os sorrisos amarelos na tomada de posse da Miss Swap. Sobre os sorrisos cúmplices das pessoas que, na rua, souberam que Portas se tinha demitido. Sobre os risos gargalhados que essas mesmas pessoas deram, em casa, quando ouviram Passos Coelho a dizer que a bola era dele e que os outros meninos não jogavam sem ele. Sobre os risos nervosos e incrédulos que vamos continuar a dar até o governo se esfumar de vez.

 

Não vale a pena analisar o dia de ontem, não há análise racional possível. Só gostava de saber porque é que ainda não legalizamos todo e qualquer consumo de drogas, leves, pesadas, alucinogénicas e mirabolantes. É que de certeza que na Lapa, no Caldas e em Belém, há dealers a enriquecer. Empreendedores.

 

Vale a pena olhar para os risos e sorrisos verdadeiros que queremos ter na cara quando nos livrarmos desta gentinha.

 

 

Vale a pena perceber que não foram os desvios orçamentais, as dificuldades de convivência com a Democracia, as falta de coesão do governo que fizeram cair Gaspar. Foi uma gota, uma gota de cuspe, lançada por cidadãos anónimos que não conseguiram suportar o facto de verem um dos seus carrascos a comprar iogurtes em promoção.

 

Vale a pena perceber que a queda deste governo não será o fim de nada se as cenas dos próximos capítulos seguirem o argumento grego. Apenas duas coisas nos separam da Grécia, umas quantas horas de avião - com escala pelo meio, são cada vez menos as companhias a irem directamente para Atenas - e pouco mais de um ano de distância nas medidas de austeridade impostas pela Troika e pela burguesia e banca internacionais.

 

Vale a pena perceber que este governo ainda não caiu de vez - continua, coerentemente com as suas políticas, a cair aos duodécimos - porque ainda não há um acordo entre a banca e a burguesia nacional. Ainda não garantiram a salvaguarda total dos seus interesses.

 

Vale a pena perceber que a chantagem financeira e económica já começou - como na Grécia...malditos argumentistas que não sabem variar... - e que nos próximos dias os juros da dívida vão chegar à Lua e a Bolsa portuguesa vai tocar o centro da Terra. Quando um ministro cai os "mercados" constipam-se, quando um governo está prestes a cair, os "mercados" têm gripes fortes, quando cai um governo liberalósocialódemocráticócoisoetal que lhes garante pãozinho na mesa, apanham uma valente pneumonia. Coitadinhos. Tratem-se e deixem de ser piegas, é o que andamos a fazer há muitas décadas.

 

Vale a pena perceber que desde segunda feira até ao dia da queda final, os boys, os "jotas", os maridos, as esposas, os amigos e amigas, os primos e as tias, os que têm informações "swapamente" e "pppmente" delicadas que deixam gente presa pelos tomates, os cães, os gatos e os periquitos dos senhores e senhoras que nos governam, vão fazer trinta por uma linha e assinar despachos uns atrás dos outros. Ele vão ser nomeações secretas em catadupa, ele vão ser prémios pela maravilhosa gestão dos últimos meses, ele vão ser reformas douradas a chover, enfim...o costume, já faz parte do tal guião. Ser burguês e aristocrata tem os seus custos, não se mantém o estilo com roupa da feira, é preciso, no mínimo, garantir a contrafacção durante mais uns anos...

 

Vale a pena perceber que estamos quase lá, quase, quase, quase...Mas temos de agir agora, sem dar espaço para que o polvo se reorganize e lhe cresçam braços novos, substitutos dos que estão em decomposição acelerada. Ontem estivemos no Marquês de Pombal e nos Aliados, hoje estaremos de novo nas ruas de Lisboa, tal como amanhã - e não esquecer que amanhã o Coelho vai ao Cavaco. Sábado vamos aos pastéis, com cara de maus.

 

Isto agora não pode, nem vamos deixar que pare! Se não chegar, depois conversamos...

 

Mas tranquilizem-se e sorriam os que, como eu, têm medo da canícula. Talvez não seja necessário ir para a rua gritar durante muito tempo, na Dinamarca já sabem algo que nós ainda não sabemos. É bom saber que o guião está a ser seguido, os dois últimos episódios foram apenas um devaneio de actores que achavam que podiam escapar à Matrix!


À Matrix só dá para fugir de uma forma: pela Esquerda!

 

Caiam de uma vez! Deixem-nos rir e sorrir com gosto! IRRA!!!

 

 

P.S. - entretanto, um Presidente de uma República Democrática esteve sequestrado nos céus da Europa e de Portugal. Coisa pouca.

 

publicado por swashbuckler às 14:15
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 3 seguidores

.pesquisar

.Agosto 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Casas novas

. O Rei

. Diz o roto ao nú

. A quem serve o populismo?

. Um beijo de parabéns à UG...

. Portugal não é a Grécia e...

. 21 de Outubro: Orson Well...

. Decimatio

. Coincidências felizes

. Ah...a adolescência!

.arquivos

. Agosto 2016

. Janeiro 2014

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Janeiro 2013

. Abril 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds